Black Soul Samba e Arthur Espíndola se apresentam em Belém

O cantor Arthur Espíndola apresenta seu repertório de samba em show do coletivo Black Soul Samba, em Belém, nesta sexta-feira (14). Os DJs do coletivo Eddie Pereira, Fernando Wanzeller, Homero da Cuíca, Kauê Almeida e Uirá Seidl vão apresentar ao público sequências de samba.

O cantor Arthur Espíndola, será a atração da festa, e seu show perpassa por várias vertentes do samba, seu gênero favorito. Ele brinca com o samba incluindo elementos como o banjo de carimbó, o curimbó, a barrica, a caixa de marabaixo, o pandeirão e a rabeca bragantina, construindo o samba amazônico.

“Também vou levar clássicos do samba paraense e grandes clássicos de cantoras como Beth Carvalho e Clara Nunes. De quebra uns carimbos que vão conversar com o samba”, conta Espíndola.





Samba
O samba é um ritmo que nasceu da influência dos ritmos africanos, adaptados para a realidade dos escravos brasileiros, mas com o tempo o samba sofreu transformações de caráter social, econômico e musical, agregando características baianas e cariocas.

O samba chegou a ser considerado algo criminoso nos anos 20, porque a cultura negra era malvista na época. No inicio dos anos 40, ele passou a ser visto como símbolo nacional.

Serviço
Show da Black Soul Samba em parceria com o cantor Arthur Espíndola sera realizado na próxima sexta-feira (14), às 20h, no Los Piratas. Os ingressos custam 20 reais, com meia entrada para estudantes.





Deixe seu comentário